Sessão de formação sobre o "Kit medir" :: 5 de abril de 2014

15-04-2014 17:51

    Nesta sessão de formação aguardava-nos uma manhã de Primavera sombria e com chuva miudinha. Apetecia dizer “a Primavera segue dentro de momentos",

uma vez que, depois de alguns dias de sol…..dias e dias de chuva. Mas adiante, que estávamos no JBUC para mais uma sessão de formação com as Doutoras Catarina Reis e Aurora Moreira e, desta vez a nossa presença contou com a coordenadora do projeto, Engenheira Manuela Marques, e dos professores Arménia Rodrigues (EV), Eduardo Rego (Matemática), Conceição Ferreira (Biblioteca Escolar), Isabel Moniz (1º CEB) e Mário Marinho (Coordenador do Clube de Fotografia e professor de Física e Química).

   O “Kit medir” faz parte do conjunto de Kits de Botânica “Vamos semear Ciência” e mostra a importância que a tarefa de medir desempenha no estudo das plantas, através da realização pela criança de cinco atividades:

    1) Dez palmos de gente, que estimula a medição de vários     constituintes das plantas usando o próprio corpo da criança como a sua     mão ou o pé;

2) Botânica por medida, onde se apela à utilização de instrumentos de medida convencionais (lápis graduado, fita métrica) ou o “jardinómetro” fornecido neste kit, para fazer medições de p.e pinhas, troncos ou folhas. Nesta atividade podem e devem-se fazer medições de outros constituintes de plantas que sejam apanhados pelas crianças, motivando-as a fazerem o registo das medições de modo a ficaram com uma melhor perceção da atividade que estão a fazer;

3) Construir para medir. Nesta atividade explica-se como se faz a construção de um “clinómetro” para ser usado na medição da altura das árvores. A Doutora Aurora Moreira referiu, sobre este assunto, que é em Coimbra que existe a árvore mais alta de Portugal e da Europa (72 metros de altura), (Eucalipto da Mata Nacional de Vale de Canas) Esta árvore é muito antiga e resulta de sementes oriundas da Austrália, nos finais do séc. XIX, pelo então diretor do JBUC  Júlio Henriques, tendo sido usadas no JBUC como na mata de Vale de Canas. Sugeriu ainda, sobre esta atividade, uma abordagem inicial que incluísse p.e a fotografia de uma criança junto a uma árvore e a utilização de um programa de apresentação eletrónica para comparar a altura da criança com a da árvore (ex: uma árvore são……. 10 crianças).

4) As árvores medem-se aos metros, onde se explica a utilização, no terreno, do clinómetro. Referiu-se que a criança deve usar o clinómetro com outra pessoa de modo a facilitar a medição da altura das árvores;

5) É tempo de…. onde se faz a exploração do tempo das plantas, através de um calendário anual, onde cada mês é introduzido com uma frase relacionada com a botânica e onde a criança pode registar no próprio calendário várias atividades como p.e o estado do tempo, as fases da Lua ou a temperatura máxima e mínima.

    Na última página deste Kit, à semelhança dos outros,  pode-se colar o autocolante indicativo da conclusão de todas as atividades e, de seguida, avisar o JBUC (usando p.e o email) de modo a receber o emblema “Eu sei medir”.

  • Ver Fotografias desta sessão de formação no JBUC (5 de abril de 2014)
  • Ver cartaz de divulgação desta atividade (JBUC)